Notícias

União Européia pede que Cuba liberte manifestantes “presos arbitrariamente”

Publicado em 30 de julho de 2021

Policiais à paisana prendem pessoa durante protestos em Havana

A União Europeia está “muito preocupada com a repressão” a manifestantes em Cuba e pede que o governo liberte todos que tenham sido ditos arbitrariamente, afirmou o bloco nesta quinta-feira, em seu comunicado com linguagem mais dura até o momento sobre a situação, informa Agência Reuters.

Julgamentos sumários começaram para os detidos em protestos sem precedentes pelo país contra a escassez de bens, falta de energia e de liberdades ocorridos em 11 de julho, em meio a uma profunda crise econômica que foi exacerbada pela pandemia e por sanções dos Estados Unidos.

Terra Brasil

Baixe o APP da Rádio 102.1

Agora você pode nos ouvir em qualquer lugar com acesso à internet. Disponibilizamos para você, além do áudio, informações de contato e acesso às nossas páginas na internet.