Notícias

Morador morre baleado em briga com vizinho por causa de lixo no portão de casa em MT

Publicado em 15 de dezembro de 2021

Roberto Aparecido Mohylski, de 49 anos, morreu baleado pelo vizinho durante briga em MT — Foto: Arquivo pessoal

Roberto Aparecido Mohylski, de 49 anos, morreu baleado pelo vizinho durante briga em MT — Foto: Arquivo pessoal

Um homem de 49 anos morreu baleado pelo vizinho dele, de 72 anos, após uma discussão por causa do lixo em frente ao portão da casa, em Sinop, no norte do estado. Roberto Aparecido Mohylski e o filho dele, Thierry Mohylski, de 22 anos, foram atingidos pelos disparos da arma de fogo.

O jovem foi encaminhado para o hospital.

De acordo com o boletim de ocorrência, o suspeito teria jogado lixo em frente ao portão da casa da família de Roberto, no Bairro Jardim das Palmeiras, e a vítima teria devolvido o lixo por duas vezes no portão do vizinho.

No final da tarde, o suspeito foi na casa de Roberto com uma arma em um pacote de presente e o chamou no portão. Roberto e o filho dele foram até a frente da casa e foram baleados pelo vizinho assim que chegaram.

Briga entre vizinhos acabou em morte em Sinop (MT) — Foto: Divulgação

Briga entre vizinhos acabou em morte em Sinop (MT) — Foto: Divulgação

O suspeito atingiu Roberto no braço e no tórax, depois atirando mais duas vezes e a vítima foi a óbito.

O filho de Roberto foi atingido de raspão na cabeça. Para parar a agressão do suspeito, o jovem agrediu fisicamente o vizinho.

Nas redes sociais, Thierry publicou que estava de luto e pedindo desculpas ao pai por não ter conseguido defendê-lo como ele queria.

Nas redes sociais, Thierry publicou que estava de luto e pedindo desculpas ao pai por não ter conseguido defendê-lo como ele queria. — Foto: Reprodução/Redes sociais

Nas redes sociais, Thierry publicou que estava de luto e pedindo desculpas ao pai por não ter conseguido defendê-lo como ele queria. — Foto: Reprodução/Redes sociais

“Me desculpa por não conseguir te defender a tempo, pai, me desculpa”, disse.

A Polícia Militar encontrou no local a arma do crime, que estava com três munições deflagradas e duas intactas no tambor.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e constatou o óbito de Roberto. O suspeito e a vítima foram encaminhados para o hospital e posteriormente serão levados para a delegacia para as providencias cabíveis.

A Polícia Civil investiga o crime.

Por Kethlyn Moraes, g1 MT

Baixe o APP da Rádio 102.1

Agora você pode nos ouvir em qualquer lugar com acesso à internet. Disponibilizamos para você, além do áudio, informações de contato e acesso às nossas páginas na internet.