Notícias

Comércio de veículos cai 2% em junho, mas sobe 23% no semestre em MT

Publicado em 12 de julho de 2021
Venda de veículos em MT — Foto: Reprodução/EPTV1

Venda de veículos em MT — Foto: Reprodução/EPTV1

A comercialização de veículos novos em Mato Grosso teve uma queda de 2,26% em junho, quando houve o emplacamento de 8.989 unidades. Em maio, foram emplacadas 9197 unidades. Já a comparação do primeiro semestre de 2021 com o mesmo período de 2020, mostra um aumento de 23,87% com a venda de 47,2 mil unidades.

Os dados são divulgados pela Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores e enviados à Regional Mato Grosso (Fenabrave-MT) e referem-se aos segmentos de automóveis e comerciais leves, caminhões, ônibus, motos e implementos rodoviários e similares.

O segmento de automóveis e comerciais leves é responsável por 45% de participação das vendas nas concessionárias. Em junho, com 3.888 unidades, a queda ficou em -1,37%. Já no semestre, os dados mostram alta de 29,40% e 22.484 unidades vendidas.

Já o segmento de caminhões e ônibus apresenta queda de -0,86%, com 4 unidades a menos que em maio. Em junho, a soma foi de 463 emplacamentos. Já no acumulado do ano, foram 2.290 unidades vendidas, enquanto no primeiro semestre de 2020, foram apenas 1.550. Neste cenário, o aumento foi de 47,7%.

A quantidade de motos vendidas em junho, perante maio, também caiu. A queda foi de -0,76% com 3.664 unidades emplacadas em junho. Referente ao primeiro semestre de 2021, as vendas totalizam 16,5 mil unidades e aumento de 9,2% na comercialização.

Implementos rodoviários também tiveram queda em junho de 25,64% com 522 unidades vendidas. Em maio foram 702 unidades. No semestre as vendas aumentaram 35,5%.

Neste momento de pandemia, com a vacina ainda em fase de ampliação, o ano se torna ainda mais desafiante para o setor.

Primeiro, as montadoras tiveram que superar a estagnação do mercado por causa da recessão econômica e, agora, enfrentam a crise provocada pelo coronavírus.

Na avaliação de Paulo Boscolo, diretor-presidente da Fenabrave-MT, o setor em Mato Grosso tende a acompanhar o que acontece na economia nacional. No Brasil houve queda de 3%.

Expectativas

 

Segundo representantes do setor de veículos novos, a projeção para 2021 é de crescimento de mais de 13%, conforme tendência nacional. Dessa forma, as vendas podem ultrapassar 12 mil unidades em Mato Grosso. Para a projeção se realizar, o volume de montagem de veículos deve também crescer, já que o atual cenário é de falta de componentes, tais como pneus e chips.

Notícias sobre o mercado citam que a indústria nacional deixou de produzir entre 100 mil e 120 mil veículos.

Por G1

Baixe o APP da Rádio 102.1

Agora você pode nos ouvir em qualquer lugar com acesso à internet. Disponibilizamos para você, além do áudio, informações de contato e acesso às nossas páginas na internet.