Notícias

Após sondagem do PSD, Mauro afirma que “está bem” no DEM e não cogita troca partidária

Publicado em 07 de julho de 2021

Foto: Rogério Florentino Pereira/ Olhar Direto

Governador Mauro Mendes durante campanha de Carlos Fávaro ao SenadoGovernador Mauro Mendes durante campanha de Carlos Fávaro ao Senado

O governador Mauro Mendes confirmou ter sido sondado pelas lideranças nacionais do PSD, mas garantiu que, pelo menos por enquanto, não tem intenção de sair do DEM, partido pelo qual foi eleito em 2018. Em sua trajetória, o chefe do Palácio Paiaguás surgiu no PR (atual PL) e foi eleito prefeito de Cuiabá pelo PSB.

De acordo com o chefe do Executivo estadual, apesar das divergências internas, não há motivos migrar de sigla. “Eu conversei com alguns atores do cenário nacional, mas não tenho nenhum interesse nesse momento de fazer mudança partidária. Estou bem no DEM. Partido tem diversas correntes e isso é bom para a democracia”.

A decisão de Mauro também passa pelo fato de não adiantar o debate eleitoral. O gestor afirma que está focando em dar continuidade às entregas do governo e que a eventual reeleição será definida só em abril de 2022.

A sondagem feita principalmente pelo presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, foi confirmada pelo senador Carlos Fávaro. Segundo ele, que preside o diretório estadual da legenda, o convite surgiu porque o governador é um grande potencial em crescimento e que as portas do partido foram abertas a Mauro.

Vale lembrar que o DEM nem sempre esteve unido nestes últimos anos. Nas eleições suplementares ao Senado, por exemplo, o grupo de Mauro acabou apoiando a candidatura de Fávaro, enquanto a ala liderada pelos irmãos Jayme e Júlio Campos aderiram a campanha do ex-deputado federal Nilson Leitão (PSDB).

Por Olhar Direto

Baixe o APP da Rádio 102.1

Agora você pode nos ouvir em qualquer lugar com acesso à internet. Disponibilizamos para você, além do áudio, informações de contato e acesso às nossas páginas na internet.